FANDOM


Saruman
Saruman
INFORMAÇÕES
Outros nomes Charcote, Curumo, Curunir, Saruman de muitas cores, O Mago Branco
Nascimento Antes da criação de
Morte 3 de Novembro, 3019
Afiliação Sauron
Isengard
DESCRIÇÃO FÍSICA
Gênero Masculino
Raça Ainur (Maiar)
Cabelo Branco
Olhos Preto
NOS BASTIDORES
Ator Christopher Lee
Dublador Jonas Mello
Ring 02 Personagens da Guerra do Anel

Saruman, também conhecido como Saruman o Branco, foi o primeiro da ordem dos Istar (feiticeiro), que veio para a Terra-Média como emissário dos Valar na Terceira Era. Ele também foi líder dos magos e do Conselho Branco que se opunha a Sauron. Seu profuso estudo sobre magia negra, no entanto, o levou a desejar o Um Anel. Pensando que poderia tomá-lo para si ou tornar-se o servo principal de Sauron, Saruman aliou Isengard a Mordor na Guerra do Anel, na qual foi derrotado.

Ring 02 Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Enciclopédia da Terra Média expandindo-o.

BiografiaEditar

Anos das LâmpadasEditar

Terceira EraEditar

Chegada na Terra MédiaEditar

Istari

A chegada dos Istari a Terra-média.

Os cinco magos chegaram em Grey Havens no oeste de Eriador por volta do ano 1000. Apenas o guardião dos havens, Círdan the Shipwright, sabia a identidade e origem de Saruman. Saruman descobriria mais tarde que Círdan havia dado Narya, o Anel Vermelho, a Gandalf em sua chegada a Terra-Média. Apesar de Saruman ser imediatamente considerado chefe da order ao contrário de Gandalf, Círdan havia presenteado Gandalf com o título de maior e mais sábio dos magos. sua inveja de Gandalf cresceu destes momentos, talvez temendo que Gandalf eventualmente o substítuisse.

Saruman e os dois Magos Azuis foram para o leste da Terra-Média. Após um milênio e meio, ele retornou para o oeste, tendo em vista que o poder de Sauron crescia exponencialmente em Dol Guldur.

(Revisar tradução)

O Conselho BrancoEditar

Quando o Conselho Branco foi formado por volta de 2463 da Terceira Era para combater Sauron, Saruman foi apontado como seu líder, apesar de Galadriel preferir Gandalf. Saruman se recusou a se afastar da posição, enquanto Gandalf havia recusado. Por este ponto, Saruman havia começado a sentir a insurgência de Sauron e sentir desejo pelo seu poder, o Um Anel em especial.

Durante as reuniões do Conselho, Saruman notou pela primeira vez o interesse de Gandalf nos Hobbits e no Condado. Acreditando que as ações de Gandalf significavam um plano para seu aprimoramento, Saruman passou a observar mais Gandalf e enviou espiões ao Condado. Saruman mesmo visitou o lugar secretamente mas partiu quando foi avistado por alguns Hobbits. Entre os propósitos de sua visita, estava procurar um pouco do tabaco dos Hobbits, já que havia secretamente começado a fumar em uma secreta imitação de Gandalf.

Em IsengardEditar

A new power is rising. Against it the old allies and policies will not avail us at all. There is no hope left in Elves or dying Numenor. This then is one choice before you, before us. We may join with that Power. It would be wise, Gandalf. There is hope that way. Its victory is at hand; and there will be rich reward for those that aided it.
—Saruman, em conversa com Gandalf[1]

Isengard

Saruman e Grima em Isengard, em miniaturas do Middle Earth Strategy Battle Game.

No ano 2579, Saruman estabeleceu-se em Isengard com a permissão do Regente de Gondor, Beren, apesar de colocado apenas como Guardião da Torre e representante do Regende, uma vez que a fortaleza havia sido abandonada por Gondor. Lá, ele ganhou notoriedade na aliança informal defendendo o oeste da Terra-Média. Na torre de Isengard, Orthanc, ele também encontrou um dos Pantíris remanescentes.

Em 2850, Gandalf adentrou Dol Guldur confirmando a presença maligna de Sauron. Saruman, secretamente pretendendo a aliar-se a Sauron e ajudá-lo a recuperar sua força, fez com que o Conselho Branco decidisse não atacar Dol Guldur, levando Gandalf a ter suas primeiras suspeitas acerca do Mago Branco. Ele descobriu mais tarde que Sauron possuía mais conhecimento da possível localização do Um Anel que o esperado, e em 2941, Saruman finalmente concordou em atacar Dol Guldur. O ataque foi bem-sucedido, e pelas ações de Saruman, Sauron foi exceptuado da fortaleza.

O início do fimEditar

Poder destruídoEditar

Queda finalEditar

LegadoEditar

DestinoEditar

Poderes e habilidadesEditar

ApariçõesEditar

Nos livros Editar

Nos filmes Editar

Nos bastidoresEditar

Christopher Lee - Peter Jackson

Lee e Peter Jackson.

Saruman foi interpretado por Christopher Lee na trilogia de O Senhor dos Anéis e O Hobbit. Lee foi o único membro do elenco e da produção das trilogias que de fato conheceu J.R.R. Tolkien, e um grande fã de sua obra.

Ele descreveu O Senhor dos Anéis como "a maior conquista de literária de sua vida", interpretou papéis de magos em outras obras anteriores para sinalizar que poderia participar de uma eventual adaptação da trilogia como Saruman ou Gandalf.[2]

Outras adaptaçõesEditar

The Battle for Middle EarthEditar

The Lord of the Rings: ConquestEditar

The Lord of the Rings OnlineEditar

Lego: The Lord of the RingsEditar

Lego: The HobbitEditar

Notas e referênciasEditar

  1. A Sociedade do Anel (livro)
  2. How Christopher Lee landed his iconic 'Lord of the Rings' role, on Mashable.com
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.